Ação Direta para Resistir ao Autoritarismo!

Por FOB – RJ

Numa ação orquestrada pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e pelos Tribunais Reginais Eleitorais (TREs), cerca de 17 instituições de ensino, entre universidades e institutos federais, sofreram no dia de ontem (25 de outubro) intervenção judicial.

Com apoio das forças policiais, fiscais dos TREs retiraram ou exigiram a retirada faixas, cartazes e bandeiras, apreenderam panfletos e proibiram eventos cujos temas fossem: “Antifa”, “Luta contra o fascismo”, “Em defesa da democracia”, entre outros. O principal alvo foram as manifestações políticas com a bandeira “Antifa”.

Segundo os juízes eleitorais, a propaganda “Antifa” é explicitamente uma posição contrária à candidatura da chapa de extrema direita, Bolsonaro-Mourão/PSL/PRTB.
Essa ação orquestrada e truculenta é mais uma prova de que as autoridades do judiciário fazem parte do bloco reacionário de extrema direita. Ao mesmo tempo em que assume a forma e o conteúdo fascista da chapa Bolsonaro-Mourão/PSL/PRTB.

Essa ofensiva autoritária do judiciário exige uma resposta classista. Temos que resistir! Essa violência contra o direito da livre opinião pública, camuflado de fiscalização de propaganda política irregular, não pode ser admitida passivamente.

Ação Direta e Resistência contra o Avanço do Fascismo!!!
Construir Comitês Antifas! Pela Autodefesa popular!!!

0 thoughts on “Ação Direta para Resistir ao Autoritarismo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *