Fundação do Sindicato de Vários Ramos do Rio de Janeiro

Na noite do dia 17 de dezembro, diversos trabalhadores/as, professores/as, servidores/as públicos/as, desempregados/as, estudantes, camelôs, trabalhadores/as do comércio, trabalhadores/as autônomos/as, participaram da fundação/lançamento do Sindicato de Vários Ramos do Rio de Janeiro (SVR-RJ).

3

A organização do SVR-RJ é uma iniciativa da Federação das Organizações Sindicalistas Revolucionárias do Brasil (FOB), que busca aglutinar trabalhadores e trabalhadoras, estudantes e movimentos populares para a resistência e para a luta pelos nossos direitos.

A Frente Internacionalista dos Sem Teto (FIST) contribuiu com o debate na roda de conversa sobre as alternativas de luta para o povo.

A FOB apresentou sua proposta de organização sindical que rompe com o sindicalismo pelego atual. O SVR rompe com a burocracia e com as estruturas antidemocráticas, porque é horizontal com sua organização federalista. Também rompe com o peleguismo, uma vez que defendemos a ação direta e a revolução social. Ou seja, para o Sindicalismo Revolucionário, as organizações do povo são organizações de contra-poder, o germe da futura sociedade socialista.

1

Divergências diante de temas polêmicos também surgiram. A FIST explicou sua posição pelo voto critico no Haddad/PT no segundo das eleições burguesas: “O segundo turno foi um plebiscito, aprovamos o voto crítico no Haddad para derrotar uma candidatura que representava algo muito pior”, explicou um militante da FIST.

Ao contrário, a FOB reafirmou sua posição no boicote às eleições burguesas, como um princípio e uma estratégia de luta, ou seja, não reconhecer o sistema de dominação burguesa na sua totalidade e não legitimar nenhum instrumento de manutenção do Estado Burguês.

O entendimento coletivo foi de que o contexto do governo de extrema direita de Bolsonaro será de retiradas de direitos, da superexploração da classe trabalhadora,  com o recrudescimento do genocídio do povo e muita perseguição aos movimentos populares. Portanto, um contexto que exige muito mais da nossa capacidade de organização e de resistência.

 

O trabalho de construir uma greve geral contra o governo Bolsonaro será fundamental. A FOB e a FIST estão juntas nesta tarefa de construção da greve geral.

Greve Geral contra o Estado e o Capital!

Baixe os documentos disponíveis sobre o Sindicato de Vários Ramos e sobre o Sindicalismo Revolucionário:
Estatuto do Sindicato de Vários Ramos [baixe aqui]
Princípios do Sindicalismo Revolucionário [baixe aqui]
Quais as diferenças do Sindicalismo Revolucionário em relação aos outros modelos de sindicalismo? [baixe aqui]
Por que a classe trabalhadora precisa de uma Federação Sindicalista Revolucionária? [baixe aqui]

0 thoughts on “Fundação do Sindicato de Vários Ramos do Rio de Janeiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *