IWW se filia à Confederação Internacional dos Trabalhadores – CIT

No início do último mês de dezembro foram anunciados os resultados do referendo que a IWW da América do Norte (Estados Unidos e Canadá) tinha convocado entre seus filiados sobre a inclusão deste sindicato na Confederação Internacional do Trabalho (CIT).

O resultado foi extremamente positivo! A IWW já faz parte, oficialmente, da CIT.

A IWW já estava acompanhando o processo de construção da CIT desde a Conferência Internacional de Barakaldo, em novembro de 2016. Na verdade, suas contribuições e propostas foram fundamentais para facilitar que se avançasse para o Congresso Fundacional da CIT em Parma, em maio deste ano.

Mas cada organização tem seus próprios processos internos de tomada de decisão, para assegurar que isso seja feito de baixo para cima com respeito escrupuloso pela democracia interna. E no modelo da IWW, sua estrutura exigia que um referendo fosse convocado, uma vez que os acordos do Congresso Fundador do CIT fossem conhecidos, nos quais todos os filiados poderia se pronunciar sobre pertencer ou não à Internacional. A esmagadora maioria foi favorável a essa inclusão.

A IWW é não só uma das mais importantes organizações sindicalistas revolucionárias do mundo, por sua longa história (foi fundada em 1905!) ou por seu número de militantes, mas especialmente pela sua interessantíssima sindical e social, como o trabalho de organização entre pessoas presas ou impulsionando o movimento antifascista e de oposição à Trump nos Estados Unidos. De fato, cerca de um terço de seus membros e filiados são presos que fazem parte do Comitê para a Organização dos Trabalhadores Presos (IWOC), através do qual eles lutam para melhorar as condições de vida nas prisões dos EUA, o país com o maior percentual de população carcerária do mundo. Além disso, seus Comitês de Defesa locais foram essenciais na organização do movimento contra a nova (extrema) direita em muitas cidades dos Estados Unidos, onde, de outro modo, não haveria estrutura organizacional para promovê-lo. Além disso, claro, da sua luta exclusivamente sindical.

A IWW já havia dado uma contribuição importante para o desenvolvimento do CIT até o momento. Agora, com a sua adesão oficial e definitiva, chegamos ao patamar de que esta Internacional já reúne as mais numerosas e ativas organizações anarco-sindicalistas e sindicalistas revolucionários do planeta. Podemos ter certeza de que a IWW continuará a contribuir com sua experiência e entusiasmo, juntamente com as outras seções do CIT, para a defesa e promoção dos interesses dos trabalhadores do mundo.

Abaixo, reproduzimos a declaração com a qual a IWW anunciou a decisão de sua afiliação:

Chicago, 8 de dezembro de 2018 – Em seu referendo anual, a administração norte-americana da IWW (Trabalhadores Industriais do Mundo) votou esmagadoramente para se juntar à recém-formada Confederação Internacional do Trabalho (CIT). A CIT é uma organização internacional que reúne sindicatos revolucionários em oito países da Europa, América Latina e América do Norte.

A CIT concentra-se no desenvolvimento de um modelo visível de sindicalismo revolucionário, um método de formar sindicatos baseados na solidariedade e ação direta, e prefigurar um mundo liberado do capitalismo. Os sindicatos da CIT já estão coordenando suas atividades entre os trabalhadores de apps, como Deliveroo e Foodora, inclusive com greves coordenadas contra a Deliveroo em vários países.

A IWW traz a nossa experiência de organização em prisões com o Comitê para a Organização dos Trabalhadores Presos (Incarcerated Workers Organizing Committee / IWOC). A CIT e suas seções apoiaram a greve de presos ocorrida nos EUA este ano, na qual o IWOC desempenhou um papel importante. Através da CIT, a IWW começou a contatar sindicatos de presos em outros países.

Mais ainda do que a prática sindical cotidiana, o CIT cria espaço para as suas seções compartilharem experiências de lutas operárias massivas. Este ano, a Confederação Nacional do Trabalho (CNT – seção espanhola da CIT) desempenhou um papel importante na coordenação de uma Greve Geral Feminista em 8 de Março, que a CNT e a CIT querem tomar como exemplo para 2019.

O voto da IWW para se juntar à CIT culmina de vários anos de colaboração entre esses sindicatos para trazer esta Internacional à luz. Queremos continuar desenvolvendo nossos projetos mútuos e construindo relações em outras partes do mundo. A IWW compartilhará sua experiência e aprenderá com a experiência dos outros – para inspirar e inspirar-se. Com as crises econômicas, ecológicas e políticas que o capitalismo nos traz e intensifica, precisamos de um movimento revolucionário vibrante e internacionalista agora mais do que nunca.

Viva a Internacional!

Trabalhadores Industriais do Mundo (Industrial Workers of the World / IWW) – Administração Regional Norte-Americana.
Afiliada à Confederação Internacional do Trabalho – CIT.



File-se ao sindicalismo revolucionário! Junte-se à FOB!
>>> SITE DA FOB: https://lutafob.wordpress.com/
>>> EMAIL DA FOB: lutafob@protonmail.com

0 thoughts on “IWW se filia à Confederação Internacional dos Trabalhadores – CIT

  1. Quantas cooperativizas estão envolvidas ? Pois estamos cansados de Partidos Anarco Sindicalistas em nome do Federalismo Produtivo. Federação é organização econômica. Coletivos e núcleos de propaganda são partidos de vanguarda. Assim repito a pergunta: – Cadê a organização econômica dos Anarquistas para financiar o processo Revolucionário ?! Onde estão as cooperativas destas Federações ?!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *