FRASES E RETRATOS | Homenagem aos Mártires de Chicago

No dia 1º de Maio de 1886 os trabalhadores de Chicago (EUA) organizaram, através do sindicalismo revolucionário, uma grande greve geral em defesa das 8 horas de trabalho, com grandes manifestações nas ruas, barricadas e métodos insurrecionais.

Como era de se esperar as manifestações foram duramente reprimidas pela polícia. Oito líderes operários anarquistas foram presos, e a maioria deles foram condenados à morte pela forca! Ficaram conhecidos como os Mártires de Chicago.

Os condenados de Haymarket: Louis Lingg, Oscar Neebe, Adolph Fisher, August Spies, Albert Parsons, Michael Schwab, George Engel e Samuel Fielden. Todos condenados à morte e assassinados pelo Estado a 11 de novembro de 1887, exceto Neebe (15 anos de prisão), Fielden e Schwab (condenados a prisão perpétua). Louis Ling suicidou-se no dia anterior ao marcado para a execução.

Para homenagear os nossos mártires da classe trabalhadora internacional e do sindicalismo revolucionário selecionamos algumas frases e retratos de cada um deles:

“Nos estados do sul meus inimigos eram quem exploravam aos escravos negros; nos do norte, quem quer perpetuar a escravidão dos operários.” (Albert Parsons)

“O princípio fundamental da anarquia é a abolição do salário e a substituição do atual sistema industrial e autoritário por um sistema de livre cooperação universal, o único que pode resolver o conflito que se prepara. A sociedade atual só vive através da repressão e nós aconselhamos uma revolução social dos trabalhadores contra esse sistema de força. Se eu vou ser enforcado pelas minhas ideias anarquistas, tudo bem: me matem!” (Albert Parsons)

“Estados Unidos é um país de tirania capitalista e do mais cruel despotismo policial.” (Louis Lingg)

“Não, não é por um crime que eles nos condenam à morte, é pelo que foi dito aqui em todos os tons: eles nos condenam à morte pela Anarquia, e já que estamos condenados por nossos princípios, eu grito bem alto: Sou anarquista! Eu os desprezo! Desprezo sua ordem, suas leis, sua força, sua autoridade. Me enforquem então!” (Louis Lingg)

“Milhões de trabalhadores passam fome e vivem como vagabundos. Inclusive os mais ignorantes escravos do salário se põem a pensar. Sua desgraça comum lhes faz compreender que necessitam unir-se e o fazem.” (Michael Schwab)

“O que foi processado aqui é a anarquia, e a anarquia é uma doutrina hostil que se opõe à força bruta, ao sistema de produção criminoso e à distribuição injusta da riqueza. Vocês e só vocês são os agitadores e os conspiradores.” (Michael Schwab)

“Eu fiz o quanto pude para fundar a Central Operária e engrossar suas fileiras; agora é a melhor organização operária de Chicago; tem 10.000 associados. É o que eu posso dizer de minha vida operária.” (Oscar Neeb)

“Os operários nada podem esperar da legislação. A lei é somente um biombo para aqueles que lhes escravizam.” (Samuel Fielden)

“Sei que é impossível convencer aos que mentem por ofício: aos mercenários diretores da imprensa capitalista, que cobram por suas mentiras.” (Adolf Fischer)

“Para a frente com valentia! O conflito começou. Um exército de trabalhadores assalariados está sem trabalho. O capitalismo esconde as suas garras de tigre atrás das muralhas da ordem. Operários, que a vossa palavra de ordem seja: Não ao compromisso! Cobardes à retaguarda! Homens à frente!” (Texto de Spies convocando à greve geral)

“Podem me sentenciar, mas ao menos que se saiba que no estado de Illinois oito homens foram condenados por não perderem a fé no último triunfo da liberdade e da justiça.” (August Spies)

“Todos os trabalhadores devem preparar-se para uma última guerra que porá fim a todas as guerras.” (George Engel)

0 thoughts on “FRASES E RETRATOS | Homenagem aos Mártires de Chicago

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *