Justiça para Agatha: Ato no Alemão

No dia 27 de setembro no Complexo do Alemão, uma semana depois do assassinato da menina Agatha, os moradores, estudantes e professores do Complexo do Alemão, organizaram um ato. A concentração foi na entrada da Grota e saiu em caminhada até a Fazendinha, local onde Agatha foi assassinada.
O ato teve a participação dos trabalhadores moto táxistas.
No trajeto, o ato passou pelo ponto das Kombi, onde Agatha e sua família pegaram o transporte na fatídica noite do último dia 20 setembro.
Nas faixas e palavras de ordem, os manifestantes exigiam justiça para Agatha, apontaram o governador Wilson Wtizel com o verdadeiro culpado, reivindicaram o fim das UPPs e o fim da PM.
O povo exige justiça. Exige o fim desse genocídio.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *