Mutirão de solidariedade às famílias sem-teto no DF

Mutirão de solidariedade às famílias sem-teto no DF

Sindicato Geral Autônomo do DF, filiado a FOB

capa

Nos dias 18 e 19 de abril, sábado e domingo respectivamente, o Movimento de Resistência Popular (MRP) do Distrito Federal, organização de luta por moradia, realizou um mutirão para a montagem e distribuição de cestas básicas (com alimentos e material de higiene) nos bairros de Ceilândia e Brazlândia destinado principalmente as famílias sem teto do movimento.

O Sindicato Geral Autônomo (SIGA-DF) participou do mutirão, seja na campanha como na ação em si, reforçando os laços de solidariedade entre os movimentos da classe trabalhadora. Ao todo o movimento já distribuiu cerca de 250 cestas, mas a campanha continua e outras ações estão previstas para os próximos dias, como o apoio a população em situação de rua na periferia do DF.

A política do Governo Bolsonaro e Ibaneis Rocha (MDB) é criminosa, colocando os trabalhadores de diversos setores (essenciais ou não) na escolha entre o pão de cada dia e sua vida. Diversas famílias sem teto apontam que o “auxilio” do governo ainda não foi repassado e as que receberam mal conseguem pagar as primeiras contas. Por outro lado, os donos dos bancos já receberam logo no início da crise “ajuda” de Bolsonaro de 1,2 trilhões de reais sem qualquer contrapartida.

A atual crise traz a superfície problemas antigos no DF como o abandono da saúde e a exclusão habitacional. O deficit habitacional supera os 120 mil domicílios de acordo com os dados da CODEPLAN em 2019, sendo o alto preço dos aluguéis um dos principais fatores. Com esta crise, milhares de famílias estão sendo jogadas nas ruas, tendo suas vidas destruídas pela miséria e pelo coronavírus.

O SIGA-DF e a FOB vem defendendo desde o início da pandemia a necessidade de ações concretas de solidariedade de classe como a que MRP vem promovendo, tendo por objetivo principal garantir a sobrevivência imediata do povo pobre e criar uma rede de apoio mútuo que seja também uma das bases do poder popular. Ações de greve de inquilinos e movimentos pela renegociação ou cancelamento das contas (águas, luz, etc), também são fundamentais.

Todas essas ações são importantes para que no pós-pandemia ocupemos as ruas e construamos uma greve geral onde os trabalhadores deverão cobrar responsabilidade dos governantes e da elite criminosa, e exigir que a riqueza pública ou privada seja destinada ao povo.

Só o povo salva o povo!

VEJA AS FOTOS DA AÇÃO:



logo_vazado

FOB – Federação das Organizações Sindicalistas Revolucionárias do Brasil

Filie-se ao Sindicalismo Revolucionário!

 

SITE: www.lutafob.wordpress.com
E-MAIL: fob-df@protonmail.com (DF)
E-MAIL: lutafob@protonmail.com (BRASIL)
TWITTER: @LUTAFOB
FACEBOOK: FOB

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *