O SESC que você frequenta não é o SESC que a gente trabalha: fim das demissões e readmissão, já!

O SESC que você frequenta não é o SESC que a gente trabalha: fim das demissões e readmissão, já!

Sindicato Geral Autônomo do DF e Entorno

O SIGA recebeu denúncias de trabalhadores do SESC de que durante a pandemia a direção do SESC está ampliando as demissões de funcionários, os cortes salariais, o assédio moral e transferências repentinas de local de trabalho. Segundo uma denúncia, semana passada ocorreram 50 demissões no DF!

É inadimissível que em um momento de fragilidade social devido a pandemia e aumento da inflação trabalhadoras e trabalhadores, pais e mães de família, tenham sua fonte de sustento retirada total ou parcialmente. O SESC foi um dos órgãos que realizou grande lobby junto ao governador Ibaneis (MDB) para reabertura gradual do comércio na capital – que foi seguida do aumento da contaminação do covid-19, importante que se diga. Vemos agora que o tipo de economia que eles estavam preocupados não é a de renda da população, que garante o arroz e feijão das famílias, mas a do lucro aos empresários do Sistema S (Sesc, Senai, Senac etc.) para sustentar as mordomias destes ricos.

Assim, o Sindicato Geral Autônomo realizou uma primeira ação pública de propaganda. Foram coladas dezenas de cartazes nas redondezas da unidade do SESC no Gama. Esta pequena ação deve ser seguida da organização e protesto dos trabalhadores e sobretudo dos demitidos. A violação do direito ao trabalho não pode ficar sem resposta. Os trabalhadores devem se organizar de forma autônoma para exigirem a readmissão, salários integrais, o fim dos assédios morais e das transferências arbitrárias. Protestos podem ser realizados e o Sesc deve ser denunciado frente aos órgãos competentes e aos frequentadores do mesmo.

Boicote o SESC até a readmissão!

Denucie ao SIGA violações do direito ao trabalho: fob-df@protonmail.com

logo_vazado

FOB – Federação das Organizações Sindicalistas Revolucionárias do Brasil

Filie-se ao Sindicalismo Revolucionário!

SITE: www.lutafob.wordpress.com
E-MAIL: fob-df@protonmail.com (DF)
E-MAIL: lutafob@protonmail.com (BRASIL)
TWITTER: @LUTAFOB
FACEBOOK: FOB

0 thoughts on “O SESC que você frequenta não é o SESC que a gente trabalha: fim das demissões e readmissão, já!

  1. Sou ex funcionário, estava afastada pelo decreto , fui demitida sem nenhuma explicação, assim como outros 100 funcionários num mesmo dia. O Sesc é uma empresa política hj em dia. Enquanto mto são demitidos, outros vários estão sendo contratados sem processo seletivo. Indicações política com salário altíssimo. Alguém tem q parar essa direção .

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *