Avança a Campanha Nacional de Solidariedade e Apoio Mútuo no Piauí

Avança a Campanha Nacional de Solidariedade e Apoio Mútuo no Piauí

Desde o começo da pandemia nós da FOB-PI iniciamos várias atividades  de apoio mútuo no centro da cidade de Teresina e na periferia. Foram distribuídos, kits de higiene, roupas e quentinhas para moradores em situação de rua, e em um bairro na periferia da cidade foram distribuídas cestas básicas.

Nossa atividade de solidariedade não tem intuito simplesmente filantrópico, nós entendemos que esse tipo de campanha aponta que nós, o povo como protagonista, precisamos resolver nossas dificuldades.  Esses tipos de práticas são o embrião  da construção de grandes redes de solidariedade e apoio mútuo entre nós trabalhadores/as e estudantes. São medidas permanentes para resolver nossos problemas, como por exemplo, construção campanhas de denúncias e de doações para trabalhadores com salários atrasados ou  mutirões para construção de casas em nossas comunidades. São pequenas práticas, que quando juntas, mostram o poder que nós trabalhadores e povo organizado temos.

A FARSA ELEITORAL

Vários partidos eleitoreiros utilizam suas campanhas de ajuda como palanque eleitoral, tentando promover figuras públicas para as candidaturas dessas eleições. ⁣Não devemos permitir que políticos usem a miséria do povo para se autopromover. Do nosso lado, devemos contar com nossa própria força e auto-organização para lutar pelos nossos interesses e pelo fim da exploração!⁣

Se faz mais que necessário nesse momento à construção de Comitês “Não Vote, Lute!”, uma vez que não acreditamos nem em eleições, nem em vanguardas salvadoras da pátria, só acreditamos na luta do povo, nas organizações autônomas populares, sindicais e estudantis, na ação direta como forma de garantir avanços duradouros. ⁣

SE ORGANIZAR PARA LUTAR

Convocamos todo o povo oprimido e explorado, desempregados e precarizados, a juventude negra e estudantes, moradores das favelas e periferias, camponeses, povos e comunidades tradicionais,  para construção da Federação das Organizações Sindicalistas Revolucionárias do Brasil. Nesse contexto de crise geral, aumento dos preços dos alimentos, desemprego, empregos precarizados se faz mais que necessário se organizar e lutar por melhorias nas nossas vidas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *