Boletim Nacional Terra e Liberdade nº 4

Boletim Nacional Terra e Liberdade nº 4

RETOMAR A TERRA!
LIBERTAR O TERRITÓRIO E CONSTRUIR A AUTONOMIA

Em mais um ano de farsa eleitoral com milhões de reais destinados para os fundos partidários, os ataques contra os povos indígenas, quilombolas, comunidades tradicionais e camponeses se intensificam. No norte do país, a mineração e o garimpo avançam em terras indígenas, deixando um rastro de destruição e envenenando a terra. Ainda, a liberação de terras na Amazônia para abertura de pastos e monoculturas de grãos em conjunto com a ofensiva de igrejas pentecostais e neopentecostais ameaçam territórios de povos em isolamento voluntário, também pressionando as terras autodemarcadas e também homologadas dos povos da região.

Conjuntamente em especial no sul e centro oeste do país, territórios profundamente afetados pelo
agronegócio e extrativismo, o Estado e grandes empresas se mascaram para realizar infiltrações internas e
desestabilizar comunidades dos povos da região, a exemplo das recentes práticas de arrendamento de soja e milho transgênico em Terras Indígenas e retomadas promovidas por agentes do Estado disfarçados e aproveitadores que ameaçam lideranças, promovem a paramilitarização dos territórios e assassinam opositores. As igrejas pentecostais também aprofundam seu domínio nestas regiões, em especial no
Mato Grosso do Sul, onde vem promovendo uma verdadeira caça às bruxas para permitir a sequência do
projeto estatal e empresarial de anexar territórios à acumulação capitalista global.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.